Portal NetEscola

Lutas do Brasil: Caratê – 7º Ano – 3º corte – 2ª quinzena – Educação Física - 08/09/2020

Imagem disponível em:https://images.app.goo.gl/vWy7m5D19Fpj5E9M9 Acesso em 27 de ago. de 2020.

Caratê é uma arte marcial de autodefesa originaria do Japão. A palavra caratê significa “mão vazia”. É uma arte marcial que ensina golpes para a autodefesa sem armas de qualquer espécie.

Atitudes positivas e autodisciplina são importantes na prática do caratê. Os principais objetivos são: o aperfeiçoamento do caráter, e a busca por maior eficácia de todo o corpo no momento da autodefesa.

 

Deve-se ressaltar que o treinamento do praticante de caratê é uma mescla de princípios físicos e mentais. Esses princípios são:

 

  1. Esforçar-se para a formação do caráter.

  2. Fidelidade para com o verdadeiro caminho da razão.

  3. Criar o intuito do esforço.

  4. Respeito acima de tudo.

  5. Conter o espírito de agressão.

 

 

O método de combate dessa arte marcial baseia-se em posições iniciais de equilíbrio, que dão origem aos golpes, que podem ser socos ou chutes no adversário. A respiração deve ser controlada e é comum, no momento do golpe, que o carateca solte uns gritos especiais.

 

Por volta do século XV, na ilha japonesa de Okinawa, então dominada por fidalgos japoneses, foi proibido o porte de qualquer tipo de arma. Sem outra opção, as pessoas passaram a praticar formas de autodefesa sem armas. A esse novo método de autodefesa foi dado o nome de Okinawa-te.

 

Séculos depois, para ser aceito como um esporte, para a prática do caratê foram estabelecidas regras para se evitar ferimentos e lesões graves. Dessa forma ficou mais dinâmico, exigindo maior técnica, velocidade, controle e estratégia.

Imagem disponível em: https://images.app.goo.gl/L8qUTVjhGrJvfJv36 Acesso em 27 de ago. de 2020

Como esporte existe dois tipos de competição no caratê:

No tipo kata são atribuídos pontos para a performance do carateca, seja individualmente ou em grupo (trio). Os movimentos devem ser ágeis, harmoniosos e sincronizados, lembrando um pouco uma apresentação de ginástica olímpica. A avaliação é feita por 5 juízes.                                 

No tipo kumite há uma luta entre dois caratecas, com duração de dois a cinco minutos. São atribuídos pontos para os golpes desferidos variando, inclusive, o valor da pontuação dependendo da área do corpo do adversário que foi atingida. Devido ao grande número de estilos, há também uma grande variação nas técnicas e na pontuação atribuída a determinados golpes, como o Ippon, Nihon e Sanbon.

Competição de caratê: kumite

                                      

 

  Imagem disponível em:https://images.app.goo.gl/K6SsMrBMyqEtPWqq5 Acesso em 27 de ago. de 2020.

A prática do caratê traz vários benefícios para a saúde e para o corpo: desenvolve a mobilidade das articulações e a coordenação motora, melhora o condicionamento cardiovascular e o muscular.

 

Texto originalmente publicado em https://www.infoescola.com/artes-marciais/carate/ Acesso em 27 de ago. de 2020. (Adaptado)

 

 

Assista o vídeo:

Imagem disponível em: https://images.app.goo.gl/QSaJNCZeDmTxDvis8 Acesso em 27 de ago. de 2020.

Atividades

 

1)Cite os principais objetivos do caratê?

 

2)Marque V para Verdadeiro e F para Falso –

Os princípios a serem seguidos para quem treina caratê são:

 

a) ( ) Esforçar-se para a formação do caráter

b) ( ) Vencer acima de tudo

c) ( ) Fidelidade para com o verdadeiro caminho da razão

d) ( ) Criar o intuito do esforço

e) ( ) Respeito acima de tudo

f) ( ) manter o espírito de agressão

 

3)Cite os benefícios da prática de caratê para a saúde e para o corpo.

 

4)Quais são os dois tipos de competição no caratê como esporte?

 

Professora: Camila Gonçalves

CRE: Morrinhos

Unidade Escolar: Colégio Estadual Santa Rita de Cássia

 Superintendência de Desporto Educacional, Arte e Educação