Portal NetEscola

Programas e indicadores de saúde pública medieval – 7º Ano – 6ª quinzena – 3º ciclo – AULA e IMPRESSÃO. - 24/11/2020

 

ATENÇÃO!!!

 

 

 

 

 

 

HORA DE COMEÇAR NOSSA ATIVIDADE!!!

 

 

 

ENTÃO LEIA O TEXTO A SEGUIR:

TEMA É MUITO IMPORTANTE!!!

 

 

Tipos de Imunização

          A imunização possibilita ao corpo defender-se melhor contra doenças causadas por certas bactérias ou vírus. A imunidade (capacidade do corpo de se defender contra doenças causadas por determinadas bactérias ou vírus) pode ocorrer naturalmente (quando as pessoas são expostas a bactérias ou vírus) ou artificialmente, através da vacinação. Quando as pessoas são imunizadas contra uma doença, elas normalmente não contraem a doença ou contraem apenas uma forma leve dela. Contudo, uma vez que nenhuma vacina é 100% eficaz, algumas pessoas que foram imunizadas podem contrair a doença mesmo assim.

http://Disponível em: <https://www.omatogrosso.com/sinop-atinge-meta-de-vacinacao-contra-a-gripe-em-idosos-e-profissionais-da-saude/>. Acesso em 30 set. 2020.

       Em comunidades e países em que as vacinas são amplamente utilizadas, muitas doenças que antes eram comuns e/ou fatais (como poliomielite e difteria) hoje são raras ou estão sob controle. Uma das doenças, a varíola, foi completamente erradicada por vacinação. As vacinas têm sido muito eficazes na prevenção de doenças sérias e na melhora da saúde mundialmente. Entretanto, ainda não há vacinas eficazes disponíveis para muitas infecções importantes, incluindo a infecção pelo vírus Ebola, para a maioria das infecções sexualmente transmissíveis (como infecção por HIV, sífilis, gonorreia e infecções por clamídia) e para muitas doenças tropicais (como malária). As vacinas disponíveis hoje em dia são altamente confiáveis e a maioria das pessoas as tolera bem. Elas raramente têm efeitos colaterais.

 

 

 

Imunização Ativa

     

    Na imunização ativa, usam-se vacinas para estimular os mecanismos naturais de defesa do corpo (o sistema imunológico). As vacinas são preparações que contêm um ou mais dos seguintes:

 

  • Fragmentos não infecciosos de bactérias ou vírus;
  • Uma substância geralmente nociva (toxina) que é produzida por uma bactéria, mas foi modificada para ser inofensiva;
  • Organismos inteiros vivos, enfraquecidos (atenuados), que não causam doença.

          O sistema imunológico do corpo responde a uma vacina produzindo substâncias (como anticorpos e glóbulos brancos) que reconhecem e atacam as bactérias ou os vírus específicos contidos na vacina. Assim, sempre que a pessoa é exposta à bactéria ou ao vírus específico, o corpo produz automaticamente esses anticorpos e outras substâncias para prevenir ou atenuar a doença. Ao processo de administração de uma vacina dá-se o nome de vacinação, embora muitos utilizem o termo imunização.

Imunização Passiva

          Na imunização passiva, os anticorpos contra um organismo infeccioso específico são administrados diretamente a uma pessoa. Esses anticorpos são obtidos de várias fontes:

  • através do sangue (soro) de animais (geralmente cavalos) que foram expostos a um organismo e desenvolveram imunidade;
  • por meio do sangue coletado de um grande grupo de pessoas;
  • mediante pessoas que se sabe terem anticorpos a uma doença em particular (ou seja, pessoas que foram imunizadas ou que estão se recuperando da doença), porque essas pessoas têm níveis mais altos de anticorpos no sangue;
  • por intermédio de células produtoras de anticorpos (geralmente obtidas de camundongos) desenvolvidas em laboratórios.
Figura: Produção de Soro Antiofídico. Disponível em: <http://www.funeas.pr.gov.br/2019/10/213/CPPI-planeja-construir-nova-fabrica-destinada-a-producao-de-soros-antivenenos.html>. Acesso em 30 set. 2020.

 

           A imunização passiva é usada em pessoas cujo sistema imunológico não responde adequadamente a uma infecção ou em pessoas que contraem uma infecção antes que possam ser vacinadas (por exemplo, depois de serem mordidas por um animal com raiva). A imunização passiva pode também ser usada para evitar a doença quando existe a possibilidade de exposição a ela e a pessoa não tem tempo para completar uma série de vacinas.

          A imunização passiva proporciona uma proteção eficaz apenas durante algumas semanas, até que o corpo elimine os anticorpos injetados. http://Disponível em: <https://www.msdmanuals.com/pt/casa/infecções/imunização/considerações-gerais-sobre-a-imunização> Acesso em: 30 set. 2020.

 

http://Disponível em: <https://blogdoenem.com.br/biologia-enem-vacina-soro/> Acesso em: 30 set. 2020.
                               
                                                  

Resolva em seu caderno as atividades a seguir.

1. Uma substância composta por antígenos que leva o organismo a produzir anticorpos pode ser chamada de

a) (  ) antibiótico.

b) (  ) imunidade.

c) (  ) vacina.

d) (  ) soro.

 

      2. Vacinas e soros são agentes imunizadores, mas são usados em situações distintas. Explique a diferença entre vacina e soro.

 

         3. Faça a correta associação entre a primeira e a segunda coluna:

I. Antígeno

II. Anticorpos

III. Imunização

IV. Imunidade

 

      •    É um conjunto de métodos terapêuticos destinados a conferir ao organismo um estado de resistência.
      •  
      •    Substância que, quando introduzida no organismo, ocasiona a produção de anticorpos.
      •     
      •    São os mecanismos utilizados pelo organismo como uma resposta contra substâncias estranhas presentes no corpo.
      •  
      •    São glicoproteínas também conhecidas como imunoglobulinas presentes no sistema imunológico, que atuam na defesa do corpo.

 

      4. Analise as afirmações a seguir relacionadas a vacinas e soros.

I – Tanto as vacinas como os soros são fabricados a partir de organismos vivos, por isso são chamados de imunobiológicos.

II – As vacinas contêm agentes infecciosos inanimados, que induzem a produção de anticorpos pelo próprio organismo da pessoa vacinada, evitando a contração de uma doença.

III – Há um padrão de soros, que serve para todos os tipos de venenos, por isso não é importante identificar o animal agressor para facilitar o diagnóstico.

Quais estão corretas?

a) (  ) Apenas I.

b) (  ) Apenas II.

c) (  ) Apenas I e II.

d) (  ) Apenas I e III.

 

      5. Relacione as vacinas a seguir à doença que provocam imunidade.

( A ) BCG                                        (    ) Poliomielite.

( B ) Influenza                                (    ) Tuberculose.

( C ) VOP                                        (    ) Gripe.

 

      6. João foi picado por uma cobra venenosa. Para não sofrer efeitos severos por essa picada João deverá ser tratado com soro antiofídico, porque este contém:

a) (   ) vacina responsável pela resposta imune contra o veneno.

b) (   ) anticorpos específicos para as toxinas do veneno de cobra.

c) (   ) antígenos específicos que irão estimular a defesa contra veneno da cobra.

d) (   ) antígenos atenuados do veneno de cobra que irão induzir a produção de anticorpos.

 

 

 

                                                                    

ATÉ A PRÓXIMA AULA!!!

E NÃO ESQUEÇA DE ACESSAR OS LINKS!!!

 

7º CIE 6ª quinzenaBaixar