Portal NetEscola

Revisão do 1º corte – Ciências da Natureza- 9º ano- atividade 5 - 18/03/2021

Genética e Hereditariedade

Hereditariedade

Hereditariedade ou Herança Genética é o mecanismo biológico através do qual as características de cada ser vivo são transmitidas de uma geração para outra. Envolve processos genéticos, uma vez que o meio de transmissão das informações de um indivíduo a outro é o gene.

Genética e Hereditariedade

A Genética é a área científica que estuda os fenômenos biológicos relacionados com a herança biológica, ou seja, a forma como os filhos recebem características de seus pais e as transmitem para seus filhos. Desse modo, hereditariedade é um dos conceitos mais básicos da Genética.

São apresentados a seguir os princípios básicos relacionados com a hereditariedade:

  • Os filhos herdam dos pais as informações genéticas contidas nos genes e a partir disso desenvolvem suas características;
  • Os genes são transmitidos através dos gametas (espermatozoides e óvulos), de uma geração a outra.
  • Os gametas (espermatozoide ou óvulo) contém toda a informação genética da espécie a qual pertence;
  • Cada ser vivo contém pares de genes, originados no zigoto, quando o gameta feminino (óvulo) é fecundado pelo masculino (espermatozoide).

Cada gene oriundo de um dos progenitores (mãe ou pai) é denominado alelo. Os genes alelos não se misturam nos descendentes, formam os pares e se separam durante a formação dos gametas (gametogênese).

Disponível em: https://www.todamateria.com.br/hereditariedade/. Acesso em 24 fev. 2021. (adaptado)

Disponível em: https://beduka.com/blog/wp-content/uploads/2020/10/Darwin-e-Mendel.jpg Acesso em 15 de mar de 2021

Leis de Mendel

Gregor Mendel (1822-1884) realizou, durante sua vida, estudos detalhados com ervilhas (Pisum sativum). Ele escolheu essa espécie por vários motivos, como a facilidade para cultivo, a grande quantidade de características que permitem o estudo, seu ciclo de vida curto, sua capacidade de realizar autofecundação, grande número de descendentes, entre outras.

Após realizar diversos cruzamentos, Mendel chegou a conclusões que posteriormente ficaram conhecidas como as Leis de Mendel.

1º Lei de Mendel

A primeira lei de Mendel foi estabelecida após a realização de cruzamentos com plantas chamadas de puras pelo pesquisador. Essas ervilhas eram consideradas puras por apresentarem a mesma característica após várias gerações e serem produzidas por autofecundação.

Mendel concluiu que:

“Cada característica é condicionada por um par de fatores que se separam na formação dos gametas, ocorrendo nessas células em dose simples.”

Disponível em: https://tinyurl.com/yztmt2su. Acesso em 24 fev. 2021.

2º Lei de Mendel

A segunda lei de Mendel foi estabelecida após a análise de cruzamentos, quando Mendel observou mais de uma característica por vez. Seu objetivo era perceber se uma característica influenciava ou não o aparecimento da outra. Percebeu aí que um fator era independente do outro. Surgia aí a segunda lei de Mendel, que pode ser enunciada da seguinte forma:

“Os fatores para duas ou mais características distribuem-se de maneira independente para os gametas e combinam-se ao acaso.”

Disponível em: https://tinyurl.com/2fu55ryt. Acesso em 24 fev. 2021. (adaptado)

Evolução

A evolução biológica corresponde ao processo de modificação e adaptação das espécies ao longo do tempo.A atual diversidade de seres vivos é resultado de processos de transformação e adaptação das espécies aos variados ambientes, constituindo a evolução biológica.

A ideia principal da evolução biológica é que todos os seres vivos compartilham um mesmo ancestral. A partir dela, surgiu a enorme variedade de espécies que encontramos hoje. Pode-se dizer que a evolução é o processo pelo qual os organismos modernos se desenvolveram, a partir de antigos ancestrais.

Até meados do século XIX, predominava a ideia do criacionismo. De acordo com o criacionismo, as espécies foram criadas por ato divino e se mantém imutáveis até hoje.

Ainda em meados do século XIX, começa a ganhar força a teoria evolucionista. Nesse contexto, as ideias de Charles Darwin e Alfred Russel Wallace são as mais consistentes para explicar a evolução dos seres vivos. Darwin afirmou que os seres vivos, inclusive o homem, descendem de ancestrais comuns, que se modificaram ao longo do tempo.

Atualmente, a teoria do neodarwinismo explica a evolução dos seres vivos. Ela surgiu no século XX e representa a união dos estudos de Darwin, principalmente a seleção natural, com as descobertas na área da genética, como as leis de Mendel e as mutações. Entre as principais evidências da evolução biológica estão: o registro fóssil, a adaptação dos seres vivos aos seus ambientes e as semelhanças entre as espécies (como órgãos análogos, homólogos e vestigiais), além de semelhanças embriológicas e moleculares.

Disponível em: https://www.todamateria.com.br/o-que-e-evolucao/. Acesso em 24 fev. 2021. (adaptado)

Seleção Natural

Seleção natural é um dos principais pontos da teoria proposta por Charles Darwin. De acordo com a seleção natural, o organismo mais apto sobrevive e passa suas características aos descendentes, garantindo, portanto, que características vantajosas se fixem em uma população. Podemos dividir a seleção natural em três tipos: estabilizadora, direcional e disruptiva.

Seleção natural é o mecanismo evolutivo proposto por Charles Darwin, que afirmou que o meio ambiente atua como um selecionador de características, perpetuando os organismos mais aptos a sobreviver em determinado local.

Os organismos mais adaptados conseguem sobreviver e produzir descendentes, os quais herdam essas características. Os organismos menos adaptados apresentam menor chance de sobrevivência e, consequentemente, de reprodução. Com isso, ao longo do tempo, percebe-se que a característica mais vantajosa vai aumentando na população.

Vale salientar que não há uma tendência de melhora de acordo com a necessidade do indivíduo. A seleção natural atua apenas nas características existentes em uma população, não provocando o surgimento de características melhores.

Disponível em: https://tinyurl.com/59ccv7an. Acesso em 24 fev. 2021.

1. A charge a seguir representa a união das ideias de dois pesquisadores, formando uma teoria. Quem são os pesquisadores retratados? Comente sobre essa teoria evidenciada.

Disponível em: https://tinyurl.com/4v7mzjvs. Acesso em 24 fev. 2021

2. Analise as afirmações a seguir relacionadas aos gametas.

I – Na espécie humana, os gametas são o ovócito secundário ou óvulo (gameta feminino) e espermatozoide (gameta masculino).

II – Gametas são as células responsáveis pela reprodução assexuada, apresentando metade do conjunto cromossômico de uma espécie.

III – Nos seres humanos, a transmissão de características hereditárias é conseguida graças à fusão dos gametas, que possuem 23 pares de cromossomos.

Quais estão corretas?

a) (  ) Apenas I.b) (  ) Apenas II.c) (  ) I e II.d) (  ) I e III.



3. Relacione as teorias da evolução a seguir à suas definições adequadas.

(a) Lamarckismo                  (b) Darwinismo                      (c) Neodarwinismo

(  ) Teoria em que a evolução ocorre através de um seleção natural, permitindo uma mudança gradativa nas características do indivíduo, incluindo a recombinação genética e a mutação.

(  ) De acordo com essa teoria o meio cria necessidades que induzem mudanças nos hábitos e nas formas dos indivíduos e as novas características são adquiridas pelo uso ou desuso repetido de um órgão ou parte do corpo.

(  ) Nessa teoria o meio exerce uma seleção natural que favorece os indivíduos portadores das características mais apropriadas para um determinado ambiente e em um determinado tempo.

4. Os genes alelos são segmentos de DNA constituídos de pares, um deles proveniente da mãe e outro do pai, os quais se encontram no mesmo lócus nos cromossomos homólogos. Existem genes alelos em que os fenótipos são expressos somente em homozigose e aqueles expressos fenotipicamente em heterozigose. Esses genes são chamados respectivamente de

a) (  ) dominantes e recessivos.c) (  ) recessivos e dominantes.
b) (  ) epistáticos e dominantes.d) (  ) não epistáticos e recessivos.

5. Assinale, entre os itens a seguir, aquele que não está associadoà teoria da seleção natural:

a) (  ) Hereditariedade.

b) (  ) Uso e Desuso.

c) (  ) Variabilidade entre os indivíduos.

d) (  ) Recombinação gênica.

6. (Brasil Escola / adaptado) Sobre o vocabulário genético, associe corretamente:

I. gameta;

II. fenótipo;

III. genótipo;

IV. gene.

A. Células sexuais que se fundem no processo de fecundação para produzir o zigoto, que, por sua vez, origina o embrião, gerando um novo ser.

B. Cada segmento de DNA capaz de transcrever sua mensagem em uma molécula de RNA.

C. É a constituição genética de um organismo, ou seja, o conjunto de alelos que ele herdou dos genitores.

D. São as características internas ou externas de um ser vivo, geneticamente determinadas.

Assinale a alternativa correta:

a) (  ) I-B ; II-A ; III-D ; IV-C.c) (  ) ) I-A ; II-B ; III-D ; IV-C.
b) (  ) I-C ; II-D ; III-B ; IV-A.d) (  ) I-A ; II-D ; III-C ; IV-B.

Se for possível, clique aqui para baixar ou imprimir a aula.