Portal NetEscola

Atividade 1 – Gênero Debate Regrado. Posicionamento crítico, fundamentado, ético e respeitoso. Conectivos ou articuladores textuais. - 21/01/2021

Estamos de volta com muita alegria!
Vamos estudar?
Anime-se!

Como é um debate regrado?

          Debate regrado é um gênero oral em que duas ou mais pessoas se reúnem para conversar sobre duas ideias diferentes, levantando argumentos que defendam a sua linha de pensamento. O debate é bastante comum durante campanhas políticas, em escolas, faculdades e comunidades. O debate regrado, como o nome indica, segue determinadas regras que foram dadas antes de o debate começar, como tempo de fala e direito a réplicas e tréplicas. Este tipo de debate é muito comum durante o período eleitoral, onde os candidatos se reúnem e apresentam suas propostas de governo.

          Não basta apenas ter uma opinião sobre um assunto, mas é preciso saber expor, falar sobre a opinião. O debate amplia a capacidade dos alunos de encontrar uma solução a partir da escuta aos outros, sendo que o objetivo do trabalho com os gêneros do domínio do argumentar é encontrar, a partir do raciocínio coletivo, soluções viáveis para situações colocadas que estão sendo discutidas.

       Além disso, o debate regrado tem a finalidade de desenvolver as capacidades argumentativas e contribuir para a formação de valores como o respeito pela opinião do outro e o cuidado com o ato da fala, pois de acordo com Schneuwly e Dolz (2004):

[…] saber falar, não importa em que língua, é dominar os gêneros que nela emergiram   historicamente, dos mais simples aos mais complexos (SCHNEUWLY e DOLZ, 2004, p.138).

        Não há como saber falar, saber posicionar-se se não for proporcionada aos alunos esta possibilidade. E se os alunos não conseguem organizar sua fala para argumentar e opinar, não conseguirão participar com sucesso de determinadas práticas sociais.

 

Disponível em: https://brainly.com.br/tarefa/15371995 Acesso em 19 de out. de 2020.

Disponível em: http://www.nutricaointegrativapratica.com.br/questionamentos/9-questionamentosAcesso em 19 de nov. de 2020.

Disponível em: file:///C:/Users/Alice/Downloads/43372-178470-1-PB%20(1).pdf Acesso em 19

de nov. de 2020.

    O objetivo do debate regrado é desenvolver estratégias argumentativas a serem utilizadas não em um gênero textual escrito, conforme já havia sido feito em sala de aula, mas com um gênero da modalidade oral, ou seja, o “debate regrado”.

    A principal característica do debate regrado é que as pessoas têm o direito de expor suas opiniões e ideias, ouvir e respeitar os demais, mesmo que sejam opostas, de uma forma organizada e objetiva.

    Para que haja um debate regrado faz-se necessário:

a) a presença de argumentos que revelam posições positivas ou negativas em relação ao tema;

b) concordância, apoio, desacordo e refutação;

c) variados tipos de argumento: por exemplificação, de autoridade, de princípios, de causalidade, etc. (DOLZ; SCHNEUWLY; DE PIETRO, 2010)

COMO ORGANIZAR UM DEBATE REGRADO

O debate é uma atividade que decorre naturalmente da vida em sociedade e que nos permite a troca de ideias, o confronto de pontos de vista e a reflexão. Além disso, a informação aumenta, aprende-se a tomar a palavra, a demonstrar e a convencer.

Para que o debate corra bem convém definir:

1. O papel de cada um dos intervenientes

          Um debate é uma troca ativa, em que se recebe, ouvindo atentamente os outros, e em que se dá, exprimindo as nossas convicções sobre os temas em discussão. Para tal, é preciso:

  • Saber ouvir – Cada um tem direito à expressão. Não se deve ironizar nem cortar a palavra. Mesmo que não se partilhe da opinião expressa, deve-se respeitá-la e ouvir atentamente o que os outros têm para dizer. Ouvir bem é pensar no que o outro diz.
  • “Praticar” a expressão oral – Não se aproveita o debate se não se estiver resolvido a tomar a palavra. Esta é uma boa ocasião para se vencer a timidez. 

          Exprimir-se é expor o ponto de vista sobre cada um dos pontos abordados, pelo que deve indicar-se com nitidez a posição que se tem, tendo o cuidado de apoiar cada afirmação com um ou vários documentos/provas. O valor de um debate reside no valor dos argumentos. Devem procurar-se, pois, provas para convencer os outros. Não se deve ter receio de mudar de opinião no decorrer do mesmo se descobrirmos que o ponto de vista defendido não é válido. Tal atitude é prova de honestidade e de coragem.

2. As etapas para a organização e realização de um debate

        Escolher um assunto simples e que desperte interesse.

 

  1. Na maioria das vezes, o debate ganha em animação e interesse se tiver sido preparado previamente por quem o organiza, quer em nível da informação fornecida/adquirida, quer pensando sobre o tema em questão.
  2. O debate deve ser organizado materialmente, ou seja, como vai ser a sala? Quem vai animar/moderar o debate?
  3. O que faz o (a) animador(a)/moderador(a): lança o debate, expondo com clareza o assunto a discutir; dá a palavra às pessoas que a pedem e impede que a outras intervenham sem a ter pedido; estimula os participantes e convida-os a reagir e a exprimirem-se; chama a atenção para o assunto que está a ser debatido quando as intervenções dos participantes “fogem” ao mesmo; controla o tempo e, no fim, convida a que tirem conclusões.

        Durante o debate, dois secretários tomam notas das principais ideias emitidas que permitirão fazer o balanço final.

   

Disponível em:https://www.educacaoetransformacao.com.br/como-fazer-um-debate/amp/Acesso em 19 de out. de 2020

    Disponível em: http://www.texto.pt/pt/dicas/detalhes.php?sec=7&id=41Acesso em 19 de out. de 2020.

 Conectivos ou articuladores textuais

    Mas o que são conectivos ou articuladores textuais?

Conectivos são palavras ou expressões que interligam as frases, períodos, orações, parágrafos, permitindo a sequência de ideias. Esse papel é desempenhado, sobretudo, pelas conjunções, palavras invariáveis usadas para ligar os termos e orações em um período. Além disso, alguns advérbios e pronomes também podem exercer essa função.

    Os conectivos ou articuladores textuais são elementos essenciais no desenvolvimento dos textos, uma vez que estão relacionados com a coesão textual. Assim, se forem mal-empregados, reduzem a capacidade de compreensão da mensagem e comprometem o texto.

Lista de alguns conectivos

  1. Prioridade e relevância – Usados no início das frases para apresentar uma ideia. Eles também podem oferecer relevância ao que está sendo apresentado. São eles: Em primeiro lugar; antes de mais nada; antes de tudo; em princípio; primeiramente; acima de tudo; principalmente; primordialmente; sobretudo; a priori; a posteriori; precipuamente.

Exemplo: Primeiramente devemos atentar ao conceito de pluralidade cultural.

 

  1. Tempo, frequência, duração, ordem ou sucessão – Esses situam o leitor na sucessão dos acontecimentos ou das ideias. Por esse motivo, são muito explorados em textos narrativos. Alguns deles são: enfim; logo; logo depois; imediatamente; logo após; a princípio; pouco antes; pouco depois; anteriormente; posteriormente; em seguida; afinal; por fim; finalmente; agora; atualmente; hoje; frequentemente; etc.

Exemplo: Logo após sair da aula, Bianca teve um encontro com Arthur.

 

  1. Semelhança, comparação ou conformidade – são usados para estabelecer uma relação com uma ideia ou um conceito que já foi apresentado anteriormente no texto e também para apontar ideias de outro texto (intertextualidade). São eles: Igualmente; da mesma forma; assim também; do mesmo modo; similarmente; semelhantemente; de maneira idêntica; de conformidade com; de acordo com; segundo; conforme; sob o mesmo ponto de vista; tal qual; tanto quanto; como; assim como; como se; bem como.

Exemplo: De acordo com as ideias de Darcy Ribeiro, o povo brasileiro é muito diverso.

 

  1. Condição ou hipótese – Esses termos são utilizados em situações circunstanciais que podem oferecer hipóteses para uma situação futura. Se; caso; eventualmente.

Exemplo: Caso chova essa tarde, não iremos na academia.

 

  1. Continuação ou adição – Utilizamos esses conectivos para acrescentar algo ao texto e que esteja relacionado com o que anteriormente foi apresentado. São eles: Além disso; demais; ademais; outrossim; ainda mais; por outro lado; também; e; nem; não só; como também; não apenas; bem como.

Exemplo: Suzana foi professora na Universidade de Minas Gerais no período da Ditadura Militar. Além disso, foi coordenadora do Departamento de Artes vinculado à Secretaria de Cultura do município de Belo Horizonte.

 

  1. Causa, consequência e explicação – Esses elementos servem para explicar as causas e consequências de uma ação, um fenômeno, etc. Por consequência; por conseguinte; como resultado; por isso; por causa de; em virtude de; assim; de fato; com efeito; tão; tanto; tamanho; que; porque; porquanto; pois; já que; uma vez que; visto que; como (no sentido de porquê); portanto; que; de tal forma que; haja vista.

Exemplo: O aquecimento global tem afetado diretamente o ser humano e os animais. Como resultado, temos a extinção de muitas espécies.

Antes de iniciar as atividades, que tal assistir a este vídeo? Ele vai te ajudar ainda mais na compreensão sobre este gênero, certo?

A T I V I D A D E S

1. O que é um debate regrado? Qual a finalidade do gênero?

2. Assinale a alternativa correta:

O debate regrado acontece geralmente

 

a ) (  ) em igrejas, clubes, lanchonetes.

b)  (  ) durante campanhas políticas, em escolas, faculdades e comunidades.

c)   (  ) em casa, praias, pousadas.

d)   (  ) em avião, praças, hospitais.

3. Por que este gênero leva o nome de debate regrado?

4. Marque a alternativa INCORRETA sobre debate regrado.

 

a) (  ) Não basta apenas ter uma opinião sobre um assunto, mas é preciso saber expor, falar sobre a opinião.

b) (  ) O debate, além de desenvolver as capacidades argumentativas, contribui para cultivar valores como respeito pela opinião do outro e cuidado com o ato da fala.

c) (  ) Não há como saber falar, saber posicionar-se se não for proporcionada aos alunos esta possibilidade.

d) (  ) Este tipo de debate é proibido durante o período eleitoral.

5. “O debate regrado é um gênero textual oral.” Explique esta afirmação, diferenciando texto oral de texto escrito.

6. Leia as afirmações a seguir:

 

I- Se os alunos não conseguem organizar sua fala para argumentar e opinar, não conseguirão participar com sucesso de determinadas práticas sociais.

II- O objetivo do debate regrado é desenvolver estratégias argumentativas a serem utilizadas com um gênero da modalidade oral.

III- O debate é uma atividade que decorre naturalmente da vida em sociedade e que nos permite a troca de ideias, o confronto de pontos de vista e a reflexão.

IV- Argumentar no debate regrado é encontrar, a partir do raciocínio coletivo, soluções viáveis para situações colocadas que estão sendo discutidas.

Marque a alternativa correta:

a) (  ) Estão corretas as alternativas I, III.

b) (  ) Estão corretas as alternativas I, II.

c) (  ) Estão corretas as alternativas II,III.

d) (  ) Todas as alternativas estão corretas.

7. Considerando as afirmações sobre a realização de um debate regrado, marque (V) para as alternativas verdadeiras e (F) para as alternativas falsas.


a) (   ) Durante o debate não se deve ironizar nem cortar a palavra.

b) (   ) O valor de um debate nunca reside no valor dos argumentos.

c) (   ) Não se deve ter receio de mudar de opinião no decorrer do mesmo se descobrirmos que o ponto de vista

defendido não é válido.

d) (   ) Mesmo que não se partilhe da opinião expressa, deve-se respeitá-la e ouvir atentamente o que os outros têm para dizer

8. Leia a expressão:O objetivo do debate regrado é desenvolver estratégias argumentativas a serem utilizadas não em um gênero textual escrito, conforme já havia sido feito em sala de aula, mas com um gênero da modalidade oral.”

Os termos destacados significam respectivamente:

a) (   ) tipo, empregadas, métodos

b) (   ) empregadas, tipo, métodos

c) (   ) métodos, empregadas, tipo

d) (   ) tipo, métodos, empregadas

9. Um debate é uma troca ativa, em que se recebe, ouvindo atentamente os outros, e em que se dá, exprimindo as nossas convicções sobre os temas em discussão. Para tal, é preciso saber ouvir e praticar a expressão oral.

O que você entende sobre saber o ouvir?

10. Leia o parágrafo a seguir para responder às atividades:

Valorizar a utilização dos recursos tecnológicos nas salas de aula, de forma a favorecer o aprendizado e tornar o processo de ensino e aprendizagem mais significativo para crianças e adolescentes, faz com que os alunos utilizem ferramentas que já fazem parte do seu dia a dia. O celular, neste caso, pode ser visto como mais um recurso para que os professores desenvolvam suas aulas e projetos, visto que, atualmente, é difícil ver quem não o utilize.

[…]

  1. Que ideia está sendo defendida?
  2. Quais os argumentos que são utilizados?
  3. E você, é a favor do uso do celular em sala de aula, por quê?

11. Considere o trecho: “O celular, neste caso, pode ser visto como mais um recurso para que os professores desenvolvam suas aulas e projetos, visto que, atualmente, é difícil ver quem não o utilize.

Entre as estratégias de progressão textual presentes nesse trecho, identifica-se o emprego de elementos conectores. O elemento conectivo destacado evidencia a ideia de:

a) (   ) continuação ou adição

b) (   ) causa, consequência e explicação.
c) (   ) condição ou hipótese

d) (   ) prioridade e relevância

12 . DEBATE REGRADO EM PRÁTICA

    VAMOS FAZER UM DEBATE REGRADO? TEMA: A descriminalização do aborto. Para realizá-lo, siga o passo a passo:

  1. Determinação de um tema (nesse caso, o tema já está proposto).
  2. Escolha dos participantes e do moderador.
  3. Definição das regras (quem começa o debate; duração das intervenções; papel do moderador; possibilidade de diálogo; participação do público; direito a réplica e tréplica…).
  4. O moderador saúda o público, apresenta o tema e os participantes; recorda as regras previamente estabelecidas.
  5. Intervenção dos participantes.
  6. Participação do público para formulação de perguntas.
  7. Encerramento do debate pelo moderador, com a apresentação de um balanço final (feito pelo próprio moderador ou por observadores externos, previamente escolhidos).

   

Disponível em: www1.educacao.pe.gov.br. Adaptado.

Convide a sua família ou seus colegas de classe para participar do debate regrado. Antes, realize uma pesquisa sobre o tema, não participe com base no senso comum. Verifique, quais as complicações envolvem a prática do aborto e/ou se elas existem. Há riscos para a mãe? O bebê sofre? Por que a prática do aborto ocorre no Brasil, de forma clandestina? Há problemas psicológicos e /ou físicos na mãe, após a prática do aborto? Quais? Por quê?

Anote as principais informações em seu caderno.

Após pesquisa realizada e conhecimentos ampliados a respeito do tema, parta para a realização do debate. Faça a sugestão ao(à) professor(a). Pense também em outros temas para serem debatidos.

Você realizou mais uma atividade!
E.... se sair, use máscara todo o tempo!