Portal NetEscola

Portal de conteúdo para alunos da Rede Pública de Goiás.

Aula 2 – Língua Portuguesa 8 º Ano - 13/04/2020

OLÁ GALERINHA!!! OLHA EU DE VOLTA… TUDO BEM POR AÍ? VOCÊ CONHECE CORA CORALINA? GOSTA DOS SEUS POEMAS? QUER SABER UM POUCO MAIS SOBRE ELA? ENTÃO LEIA UM POUCO MAIS SOBRE A VIDA DE CORA NO LINK ABAIXO:

https://globaleditora.com.br/autores/biografia/?id=2077

OLÁ PESSOAL!!! TUDO BEM?

HOJE NOSSO TEMA É CRÔNICA.

VAMOS APRENDER MAIS SOBRE ESSE GÊNERO…

ACESSE O LINK QUE SE SEGUE E LEIA ATENTAMENTE OS TEXTOS

Disponível em; https://www.portugues.com.br/literatura/a-cronica-.html. Acesso em 24 de març. 2020.

VAMOS ASSISTIR UM VÍDEO PARA CONHECER MAIS SOBRE CRÔNICAS?

O gênero Crônica – Língua Portuguesa – 8º ano – Ensino Fundamental

O texto e o vídeo tratam do conceito, das características e dos tipos de crônica. Fique atento e esquematize em seu caderno os pontos mais importantes.

Leia a crônica abaixo:

A outra noite


Outro dia fui a São Paulo e resolvi voltar à noite, uma noite de vento sul e chuva, tanto lá como aqui. Quando vinha para casa de táxi, encontrei um amigo e o trouxe até Copacabana; e contei a ele que lá em cima, além das nuvens, estava um luar lindo, de Lua cheia; e que as nuvens feias que cobriam a cidade eram, vistas de cima, enluaradas, colchões de sonho, alvas, uma paisagem irreal. Depois que o meu amigo desceu do carro, o chofer aproveitou um sinal fechado para voltar-se para mim:

– O senhor vai desculpar, eu estava aqui a ouvir sua conversa. Mas, tem mesmo luar lá em cima?

Confirmei: sim, acima da nossa noite preta e enlamaçada e torpe havia uma outra – pura, perfeita e linda.

– Mas, que coisa. . .

Ele chegou a pôr a cabeça fora do carro para olhar o céu fechado de chuva. Depois continuou guiando mais lentamente. Não sei se sonhava em ser aviador ou pensava em outra coisa.

– Ora, sim senhor. . .

E, quando saltei e paguei a corrida, ele me disse um “boa noite” e um “muito obrigado ao senhor” tão sinceros, tão veementes, como se eu lhe tivesse feito um presente de rei.


(BRAGA, Rubem. A outra noite. In: PARA gostar de ler: crônicas. São Paulo: Ática, 1979.

AGORA RESPONDA NO CADERNO:

1- Quem é o autor dessa crônica?

2- Como era a noite vista pelo taxista e pelo amigo do narrador?

3- Como era a noite para o narrador? ­­­­­­

4- A outra noite a que o título se refere seria a vista somente pelo narrador ou aquela que o taxista e seu amigo enxergavam?

5- O que faz com que diferentes personagens vejam diferente noites?

6- Esta crônica é mais narrativa ou jornalística? Por quê?

7- Que fato do cotidiano a crônica que você leu explora?

DESAFIO DE HOJE!! PREPARADO?

VAMOS PRODUZIR UMA CRÔNICA!!! UAU!!!

DICA DE COMO FAZER UMA CRÔNICA

Para produzir uma boa crônica, é necessário, antes de mais nada, ser um bom observador da vida cotidiana das cidades. É pela observação da realidade e por uma perspectiva inusitada que o cronista encontra o tema de seus textos. Para além disso, um texto de qualidade deve ser projetado, rascunhado e revisado, sempre que possível.

MÃOS À OBRA! VOCÊ CONSEGUE… FAÇA NO SEU CADERNO.

Pondo em prática o gênero estudado:  você deverá relatar, de forma breve, um acontecimento simples da vida diária, observando as características estudadas. Para tanto, deve-se planejar a escrita do texto, considerando sua finalidade – buscar nos acontecimentos diários a temática, envolver-se neles e descobrir suas belezas – e o leitor que quer atingir.

ANTES DE ESCREVER, ASSISTA AOS VÍDEOS.

Vale muito a pena assistir.  https://www.portugues.com.br/literatura/a-cronica-.html

POR HOJE FOI DEMAIS!!! VOCÊ JÁ É UM ESCRITOR!! PARABÉNS!!!

Últimos Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *